Inclusão financeira e políticas sociais: do auxílio emergencial às moedas sociais Reproduzir

Inclusão financeira e políticas sociais: do auxílio emergencial às moedas sociais

A pandemia mostrou como a execução de políticas sociais de combate à pobreza depende em certo grau da inclusão financeira do país e, ao mesmo tempo, a promove. No Cashless dessa semana, vamos falar sobre o cenário de inclusão financeira no Brasil e essa relação com políticas sociais como o auxílio emergencial e as moedas sociais como a Mumbuca de Maricá.

A pandemia e o Auxílio Emergencial evidenciaram as dificuldades que a falta de inclusão financeira pode trazer para a execução de políticas sociais. Ao mesmo tempo, mostraram como essas políticas podem contribuir para melhores resultados de inclusão financeira, como tem sido o caso em Maricá com o uso da Mumbuca.

No episódio desta semana do Cashless, falamos sobre o cenário de inclusão financeira no Brasil e a relação que ele tem com a implementação de políticas públicas relacionadas ao mercado de pagamentos. Também comentamos o papel de políticas sociais que fazem uso de moedas sociais e bancos comunitários em trazer um público tipicamente excluído do sistema financeiro para dentro dele e falamos das iniciativas do Banco Central para promover não só a inclusão, mas a cidadania financeira.

O Cashless é o seu programa semanal para ficar por dentro dos principais debates do mundo financeiro, trazendo análises sobre inovação, tecnologia, regulação, concorrência e tendências do mercado.

Ouça o episódio no Spotify.

Apresentadores:

  • Carlos Ragazzo – Presidente do Conselho do Instituto ProPague, Professor da FGV Rio e ex-conselheiro do CADE
  • Bruna Cataldo – Pesquisadora do Instituto ProPague e doutoranda em economia

Confira outros conteúdos do Propague:

Cidadania e Inclusão Financeira: diagnóstico e políticas (Webinar)

Ebook: Inclusão financeira e o perfil dos excluídos no Brasil

Potencial digital dos bancos públicos

Fintechs de crédito: novas possibilidades de financiamento

O papel das fintechs no desenvolvimento sustentável

Bem-vindo ao site do Instituto Propague. Para uma melhor experiência de navegação coletamos cookies. Ao continuar acessando este site você concorda com nossa Política de Privacidade.

Aceitar